II Farol Literário de Torres reúne bom público na abertura

Um público atento e animado lotou o Centro Cultural Tem Caten na palestra inaugural do II Farol Literário de Torres ocorrida na manhã desta sexta-feira, 16 de novembro. “Iberismo e Lusitanidade na Formação Riograndense” foi o tema abordado pelo professor e economista Paulo Timm também colunista do jornal “A Folha” de Torres. O evento começou quinta à noite e segue na parte da tarde deste sábado com uma atraente programação.

Nessa quinta-feira às 19 h, na Chopperia C10, ocorreu a abertura dos trabalhos por Eduardo Jaques, com mensagem do ex-senador, desembargador Paulo Bisol, residente em Osório, sobre o significado de se fazer de Torres um Polo Cultural e da oportunidade de se chamar a atenção das autoridades federais para os preparativos ao Segundo Centenário da Independência do Brasil em 2022. Os presidentes da Alpas 21, Casa do Poeta Brasileiro, o coordenador do Projeto Poesia na Escola, bem como todos os apoiadores locais se manifestaram, seguido de diferentes apresentações culturais.

Nesta sexta-feira, após a palestra inaugural, foi realizado o Encontro com o artista plástico Jorge Hermann em seu estúdio junto ao Centro Ten Caten. Na parte da tarde ocorre a abertura da mini feira de livros e artesanato na Casa da Terra, com encontro e autógrafos de autores torrenses e da Alpas21. Das 15h às 18h o palco é livre na Casa da Terra sob a presidência da “Mesa do Poeta” José Nilton Teixeira, para atuações e performances culturais de artistas locais. E das 20h às 22h, acontece o 12º Poesia na Escola com apresentação dos melhores trabalhos, sob a coordenação de Inaudi Goulart Ferrari e Roseli Ferrari.

Neste sábado, às 8h30min está programada mesa redonda sobre o tema “A alma humana e a literatura no século XXI” com os painelistas: psicóloga Fátima Oliveira de Oliveira, a filósofa Fernanda Carlos Borges e Paulo Timm. Às 11h está previsto um painel com todos os presentes sobre a importância do ativismo cultural, sob a coordenação de representantes das entidades patrocinadoras. Às 14h tem Exposição sobre Poesia e Contemporaneidade: “A ótica do caos” – com Joaquim Moncks e Eduardo Jaques. Às 16h ocorre a apresentação musical com Neuro Júnior e Pedro Borghetti e a partir das 17h, será realizado o encerramento com Happy Hour e congraçamento musical na Casa da Terra, seguido da apresentação do filme Anahy de las Misiones do diretor Sérgio Silva.

A organização do evento é do Movimento Torres Além Veraneio. São promotores a Casa do Poeta Brasileiro – Poebras Nacional, Sociedade de Cultura Latina do Brasil, Academia Internacional de Artes, Ciências e Letras – Cruz Alta – Alpas 21. A iniciativa tem o apoio da Prefeitura Municipal de Torres, do Projeto Poesia na Escola, Centro de Estudos Históricos de Torres e Região, Cineclube de Torres, Eduardo Jaques – Terapias Holísticas, Espaço Cultural Ten Caten, Radio Cultural FM de Torres, Torres TV Digital e Rádio/TV Passo de Torres.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Previdência Social - RPPS

Transparência