Prefeito dialoga com auxiliares de creche sobre carga horária

O prefeito Carlos Souza recebeu nessa última quinta-feira, 1º de junho, uma comitiva de auxiliares de creches acompanhados do presidente do Centro dos Professores Municipais de Torres, Belimar Guimarães, com o propósito de dialogar sobre a carga horária da categoria. Na pauta. o projeto de lei enviado à Câmara dos Vereadores, que revoga a lei complementar nº 45, de 20 de junho de 2013 que alterou a carga horária da categoria, de 40 para 30 horas semanais.

No projeto enviado à Câmara é explicado que na auditoria realizada no ano de 2013 pelo Tribunal de Contas do Estado, lei que reduziu a carga horária das auxiliares de de creche foi apontada como inconstitucional sendo recomendada a sua não executoriedade. O concurso público prestado pelas profissionais foi de 40 horas semanais.

Para o Tribunal de Justiça a redução de carga horária de determinada categoria fere o princípio de moralidade e da isonomia. A Corte entende ainda, que a redução da carga horária de determinada categoria sem a redução dos vencimentos representa aumento indireto de remuneração, o que viola o Princípio da Reserva Legal, previsto na Constituição Estadual. Neste sentido, foi encaminhado projeto à Câmara dos Vereadores.

Atendendo solicitação das profissionais, o secretário de Administração e Atendimento ao Cidadão, Matheus Junges, acompanha, na manhã desta segunda-feira, 5 de junho, uma comitiva das profissionais e assessoria do Simto- Sindicato dos Servidores Municipais de Torres, até o TCE para tratar mais uma vez sobre o assunto. No projeto enviado aos vereadores, também consta o projeto que revoga lei complementar nº 51, de 23 em dezembro de 2013, que altera a carga horária de 35 para 30 horas semanas dos cargos de auxiliar de enfermagem.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Previdência Social - RPPS

Transparência

Skip to content