Vigilância Ambiental identifica novos focos do Aedes aegypti

A Vigilância Ambiental de Torres encontrou mais 22 focos do mosquito Aedes Aegypti no bairro Guarita, na Zona Sul da cidade. Ao todo já foram identificados 28 focos do mosquito no bairro. Preocupada com a incidência, a Vigilância Ambiental em Saúde realizará em breve uma reunião orientativa com lideranças da comunidade. O objetivo é reforçar as orientações de combate ao mosquito e convocar todos à participação mais ativa para prevenção.

O 28º foco do inseto foi encontrado em uma residência, dentro de um tonel com água. O coordenador da Vigilância, biólogo Lasier França, disse que “precisamos do engajamento da comunidade para vencer a luta contra o Aedes aegypti. É fundamental que cada um faça a sua parte, Aos moradores cabe cuidar de suas casas, evitando lixo, objetos e recipientes que acumulam água”.

O biólogo lista orientações para combate ao mosquito:

– limpar com escovação semanal o pote de água do cão e/ou gato;
– recolher o lixo do pátio;
– colocar o lixo ensacado para ser recolhido pela empresa recolhedora
– recolher pneus inservíveis e armazená-los em locais secos e protegidos da chuva
– tampar caixas d’água;
– colocar telas milimétricas em caixas d’água descobertas e/ou de captação de água da chuva;
– limpar calhas;
– lavar e escovar piscinas;
– eliminar os pratinhos das plantas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Transparência