Prefeitura realizou Audiência Pública para elaboração da LDO e LOA 2020

Cerca de 50 pessoas participaram na última sexta-feira, 12 de julho, da audiência pública promovida pela Prefeitura de Torres, por meio da Secretaria Municipal da Fazenda, para discussão e elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias- LDO e a Lei Orçamentária Anual- LOA, para o exercício de 2020. A audiência ocorreu às 18h, no Centro Pastoral, localizado na Rua General Firmino Paim, 400, bairro Centro. Além de secretários e servidores municipais estavam presentes líderes comunitários, conselheiros municipais, representantes de entidades e vereadores como o presidente da Câmara Municipal, Carlos Jacques e o vereador Jeferson Santos.

A audiência foi conduzida pelo secretário municipal do Meio Ambiente e Urbanismo, Júlio Agápio, que de maneira bem objetiva e didática apresentou a projeção do orçamento do município para 2020. Desta maneira, fiou claro aos presentes sobre a realidade financeira do município, as medidas adotadas pela Prefeitura para controlar despesas e para aumentar receita. Explicou todo o processo utilizado para a projeção orçamentária do próximo ano, detalhando valores previstos. Para 2020, a projeção do orçamento esta próxima a R$ 210 milhões.

Porém, descontadas as despesas obrigatórias com saúde, educação, assistência social, folha de pagamento, pagamento de dívidas e precatórios, o recurso disponível para o planejamento do exercício é de R$ 20.007.005,00,. A Lei de Diretrizes Orçamentárias deve ser protocolada na Câmara Municipal até o dia 15 de julho e a Lei Orçamentária Anual até 15 de outubro. Na ocasião, os presentes tiveram a oportunidade de conhecer em detalhes as obras que serão realizadas na cidade, entre elas as obras que transformarão Torres com o empréstimo do Badesul, e outras com emendas recebidas, resultado da conquista da gestão através das viagens realizadas em Brasília.

Poucas pessoas apresentaram sugestões durante a audiência. Entre as demandas foram apontados a necessidade de fortalecer os projeto sociais realizados pelo Comdica, reivindicação apresentada pela conselheira Renilda Capovilla. E outra demanda que apresentou locais com necessidade de obras de drenagem, envolvendo as ruas São Pedro, São Paulo, Caxias do Sul, Universitária e Eliseu Kuwer, reivindicação apresentado pelas lideranças da Associação dos Moradores do Bairro São Francisco, o presidente Pedro Ramon e a diretora Márcia Felipe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Transparência