Servidores da Corsan pedem apoio contra a privatização da estatal

Na tarde desta quinta-feira, 22 de abril, o prefeito Carlos Souza recebeu um pedido de apoio contra a privatização da Companhia Riograndense de Saneamento-Corsan, movimento lançado pelo Fórum em Defesa da Água e Saneamento. Reunindo os servidores da Companhia e várias entidades estaduais ligadas à área, o Fórum divulga dados produzidos por técnicos que contrapõe as justificativas utilizadas para sustentar a privatização. O pedido foi entregue por servidora local da Companhia.

O prefeito comentou com a servidora Renata Machado que o assunto é de extrema importância e que já foi pauta dos prefeitos na Famurs. Atualmente, 317 municípios possuem contrato com a Companhia.

No documento, o Fórum pede apoio para que os deputados não votem a PEC 280/2019 que versa sobre a retirada da necessidade de plebiscito para a privatização da Corsan, Banrisul e Procergs.

Na oportunidade da entrega do documento, o prefeito estava acompanhado do secretário municipal do Meio Ambiente e Urbanismo, Júlio Agápio e do diretor Denilson Boff Pinto. Para o secretário, “a água é uma necessidade básica das pessoas, muito diferente, por exemplo, da energia elétrica, que posso ainda optar em usar ou não. A água é essencial. É temerário um Estado rumar para a privatização de um bem público tão importante”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Previdência Social - RPPS

Transparência

Skip to content