Com uma lista de regramentos, parte do comércio de Torres reabre neste sábado

A Prefeitura de Torres publicou nesta sexta-feira, 17 de abril, decreto 072/2020 que permite a retomada de parte do comércio em Torres desde que sejam cumpridas uma lista de regramentos contidas no documento. O decreto trata sobre o funcionamento, com atendimento ao público, dos estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços. Fica recomendado o uso massivo de máscaras em todo território do município, para evitar a transmissão comunitária do coronavírus. Abaixo, o decreto na íntegra.

Será obrigatório o uso de máscaras para adentrar em qualquer estabelecimento comercial, industrial, público ou privado. Poderão ser utilizadas máscaras de pano (tecido algodão), confeccionadas manualmente. As normas citadas no decreto são as medidas de cumprimento obrigatório de que trata o art. 4º do Decreto Estadual nº 55.154, de 1º de abril de 2020.

Os estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços que atenderão ao público, vão funcionar das 7h às 18h, com exceção dos serviços de farmácias e funerários, os quais deverão manter regime de plantão após as 18h; restaurantes e lancherias poderão funcionar das 10h às 15h e, após esse horário, exclusivamente na modalidade entrega em domicílio, retirada no balcão ou pelo sistema Drive-Thru, sendo vedado o ingresso de clientes nos estabelecimentos e a formação de filas, mesmo que externas. Padarias e cafeterias poderão ter consumo no local, desde que respeitadas as regras do decreto. Mercados poderão funcionar até as 20h.
 
Às 18h desta sexta-feira, o prefeito Carlos Souza, em uma live no Facebook da Prefeitura, recomendou o isolamento social, orientando que a população saia somente para trabalhar e para as necessidades essenciais. Destacou que a saúde é o maior patrimônio e que o momento exige a responsabilidade de todos: da Prefeitura, dos empresários e da população. Frisou que o Comitê de Crise permanecerá monitorando e avaliando a situação no município, podendo alterar as medidas em qualquer instante. Hotéis e pousadas não podem funcionar para evitar a maior circulação de pessoas na cidade.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Previdência Social - RPPS

Transparência

Skip to content