Prefeitura recebe Simto e Cepemto para tratarem sobre encaminhamento da reposição salarial

O prefeito Carlos Souza recebeu na tarde desta quinta-feira, 27 de janeiro, representantes do Simto e Cepemto para tratar sobre a reposição salarial e outras reivindicações dos servidores. Na reunião, o assunto principal foi a reposição que tem como data base o mês de fevereiro. Na oportunidade, o prefeito disse que a administração municipal irá avalizar o orçamento 2022 e que fará o possível para atender as reivindicações dentro da realidade econômica e da responsabilidade fiscal. Ele disse considerar justos os pedidos feitos pelos trabalhadores e que a proposta da Prefeitura deverá ser responsável para que realmente possa cumprir.

No encontro, na Sala de Reuniões, com o Sindicato dos Servidores Municipais de Torres (Simto) e do Centro dos Professores Municipais de Torres (Cepemto), o prefeito apresentou dados sobre a situação econômica do Município e relatou todos os esforços que a administração municipal está fazendo para manter a folha de pagamento em dia. Participaram da reunião, além do prefeito, o Chefe de Gabinete Douglas Martins Rocha, representante da Procuradoria-Geral do Município, advogado Luis Henrique Camargo; a secretária de Administração e Atendimento ao Cidadão, Maria Clarice Brovedan; a secretária da Fazenda, Hélvia Sonae Mano; o secretário de Turismo, Fernando Nery; o presidente da Câmara dos Vereadores, Rafael Silveira. O Sindicato e o Centro participaram com uma comissão de servidores, liderados por André Dambrós, do Simto e Belimar da Silva Guimarães do Cepemto.

Entre os dados citados pelo prefeito destacando a valorização do servidor público, informou que o concurso público previa o chamamento de 150 vagas e que a gestão chamou 320 vagas para melhor acolhida dos serviços públicos prestados à população. Ainda sinalizando sobre esta valorização, mencionou sobre o pagamento de precatórios: gestão municipal de 2010 a 2013 pagou 275 mil, na gestão de 2013 a 2016 o valor foi de 1.600.000, destacando que a sua primeira gestão, 2017 a 2020, pagou 9 milhões e que a previsão para os próximos quatro anos será 32 milhões.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

SERVIÇOS

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Previdência Social - RPPS

Transparência

Imprensa e Identidade visual

Skip to content