Secretaria Municipal de Educação distribui itens de biblioteca afro-indígena para a rede municipal de ensino

Desde o início desta semana, a Secretaria Municipal de Educação está distribuindo para escolas kits completos sobre a temática “História e Cultura Afro-brasileira e Indígena”. Diante da necessidade de desenvolvimento de atividades sobre o assunto nas escolas, a Secretaria vem, desde 2019, instrumentalizando o corpo docente da rede municipal de ensino e, neste ano, investiu na aquisição de livros sobre a temática, atendendo assim a obrigatoriedade da lei, bem como o incentivo à leitura.

Desde 2003, por meio da Lei Nº 10.639/03, alterada pela Lei Nº 11.645/08 o ensino da história e cultura afro-brasileira, africana e indígena tornou-se obrigatório em todas as escolas. A Lei estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-brasileira e Indígena”.

Nessa última segunda-feira, dia 2, o secretário municipal de Educação, Alexandre Porcatt, fez uma entrega simbólica à diretora da EMEI Alcino Pedro Rodrigues, Andreia Policarpo, representando as demais escolas. Os kits serão entregues ainda esta semana em todas as escolas. Este foi o conteúdo adquirido para uso dos professores em sala de aula:

– Projeto Mundinho, Educação Infantil-17 kits completos (um para cada escola municipal), contendo Manual do Professor e três cadernos de atividades que norteiam o uso dos 35 livros que compõem o kit.
– Biblioteca Afro-Indígena, Ensino Fundamental- oito kits completos (um para cada escola de Ensino Fundamental), contendo 17 livros cada kit.
– Biblioteca Afro-Indígena, Ensino Fundamental II – oito kits completos (um para cada escola de Ensino Fundamental), contendo dez livros cada kit.

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

SERVIÇOS

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Previdência Social - RPPS

Transparência

Imprensa e Identidade visual

Skip to content