Vacinação contra a gripe começa dia 10 de abril para crianças e gestantes

Começa no próximo dia 10 de abril, quarta-feira, a campanha da vacinação contra a gripe em todo o Estado para crianças e gestantes. Estes grupos foram priorizados porque foram os que menos se vacinaram na campanha de 2018. Os demais grupos vão receber a vacina a partir do dia 22 de abril. A campanha vai até o dia 31 de maio, e no dia 4 de maio, vai ocorrer o Dia D da Vacinação contra a Gripe.

A campanha contra a gripe começa dia 10 de abril para gestantes e crianças de seis meses até menores de 6 anos de idade (5anos, 11 mee e29 dias) Em Torres, todas as Unidades de Saúde vão contar com a vacina, A vacinação ocorre de segunda a sexta-feira. No Posto Central o horário é das 8h às 12h e das 13h às 17h. Nas Unidades de Saúde, ESFs da Vila São João, Rio Verde, São Braz, São Jorge, Curtume e São Francisco, o horário é das 8h às 12h e das 13h30min às 17h30. No dia 4 de maio, Dia D, sábado, todos os ESF’s estarão abertos.

A vacina protege contra três tipos de vírus Influenza: A (H1N1), A (H3N2) e B. A dose deste ano foi atualizada com subtipos diferentes nas cepas H3N2 e B, por isso deve ser repetida mesmo por quem já se protegeu na temporada passada. A vacina é produzida com vírus mortos, sem risco de causar infecção. A imunização leva em torno de 15 dias para gerar proteção ao organismo, por isso a importância de se vacinar no período da campanha, antes da chegada do inverno, época do ano de maior circulação da doença.

A partir do dia 22 de abril, podem receber a vacina os seguintes grupos:

• Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias)
• Gestantes (em qualquer tempo gestacional)
• Puérperas (mulheres até 45 dias após o parto)
• Pessoas com 60 anos ou mais
• Povos indígenas aldeados
• Trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados
• Presos e funcionários do sistema prisional
• Professores de escolas públicas e privadas
• Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais como doenças respiratórias, cardíacas, renais, neurológicas ou hepática; diabetes; imunossupressão; obesidade; transplantados ou pessoas com trissomias.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Share on print

Leia também:

Acesso Rápido

Turismo

Gabinete e Procuradoria

Secretarias

Setores

Cidadão

Empresa

Servidor

Guias e Formulários

Transparência